Professor Doutor Manuel Lopes da Silva (1927/2007)



Um dos primeiros e mais fiéis colaboradores da Pro Dignitate, deixou-nos neste Verão.

Com efeito, o Professor Doutor Lopes da Silva, fundador da APET (Associação Portuguesa de Espectadores de Televisão) apoiou entusiástica e fielmente a Pro Dignitate desde o nascimento desta Fundação.
Vemo-lo em 1995, no I Seminário Nacional Contra a Violência um dos palestrantes no painel sobre Comunicação (foto abaixo).

Depois, participou nas reuniões alargadas que a Presidente da Pro Dignitate promoveu com os restantes parceiros da mesma temática, “violência na televisão”, presididas pelo Secretário de Estado da Comunicação Dr. Arons de Carvalho.

Era um defensor da necessidade de sensibilizar a Comunicação Social para que adequasse a programação aos horários dum dos seus mais fieis espectadores as crianças.

Um dos primeiros técnicos superiores ligados à televisão, o Professor Doutor Lopes da Silva era Professor Catedrático jubilado do Instituto Superior Técnico, da Universidade Católica e da Universidade Nova de Lisboa nas áreas dos sistemas e políticas da Comunicação, para referir apenas alguns dos dados do seu vastíssimo currículo. Era também presidente emérito da ACMEDIA, instituição com a qual a Pro Dignitate mantém uma colaboração efectiva.

Sempre na linha da frente enquanto a saúde não lhe faltou. Deixa-nos a maior saudade e gratidão por tudo o que fez.


 

Bettencourt Resendes, Margarida Marante, Maria Emília Brederode Santos, Professor Lopes da Silva e Teresa de Sousa – Seminário Nacional Contra a Violência – Reitoria da Universidade de Lisboa, 4 e 5 de Fevereiro de 1995.